ILUMINAÇÃO AGORA – PARTE 2

ILUMINAÇÃO AGORA – PARTE 2

O UNIVERSO CONSCIENTE

(por Owen Waters)

Na parte 1, Metafísica Espiritual foi definida como o estudo da natureza da realidade, baseada na consciência penetrante, que está por detrás da Criação e de todas as suas manifestações.

Tudo na existência se compõe de cem por cento consciência. Pode parecer um mundo físico, sólido. Certamente atua como se fosse. De vez em quando sou lembrado de quão sólido é, quando esbarro em alguma coisa!

Todavia, se vocês consultarem um livro de física geral, ele vai assinalar que a matéria é realmente composta de partículas de energia. Isso não parece tão sólido, afinal. Também levanta a questão: “O que é a energia?” Para encontrar a resposta  para isso, vocês precisam ir além da física atual e entrar no domínio da metafísica espiritual.

A energia é consciência comprimida.

Assim como tudo no universo, a energia é cem por cento consciência. Tem de ser, porque o Criador não tinha mais nada com que trabalhar além da consciência. Consequentemente, o mundo material, com a sua aparente solidez, foi criado a partir da consciência comprimida.

Voltando ao início do universo, o Ser Infinito foi incitado, por sua motivação inicial, para entrar em ação e criar um modo de ver a si mesmo a partir de um número infinito de pontos de vista.

O Ser Infinito – o perfeito, Absoluto imutável ou Ente Supremo – então, concebeu um aspecto de si mesmo que chamamos de Criador. Esse aspecto foi encarregado de uma missão de tomar medidas e criar o que conhecemos como o universo. O problema era como obter sucesso na Criação utilizando-se nada além da consciência.

Isso não se pode alcançar  por fazer  a consciência simplesmente girar dentro de uma concha, em forma de rosquinha (donut), de um universo. O que era necessário era um meio de separar a consciência original em dois aspectos complementares, e em seguida tê-los em interação um com o outro, de maneira produtiva.

Um exemplo de uma interação entre energias é a produção da luz. A energia da luz se manifesta quando a eletricidade e o magnetismo estão interligados em certa frequência e então são projetados através do universo.

Não é difícil imaginar que  os nossos corpos físicos são uma forma de luz solar cristalizada. É um pouco como o mestre Jedi, Yoda, disse na trilogia original de Guerra nas Estrelas:

“Os seres luminosos somos nós, não essa matéria bruta”.

Realmente, nossos corpos físicos são feitos de energias luminosas e as nossas almas não-físicas são exemplos ainda mais luminosos das obras do Criador.

Não é de se admirar que os mestres iogues se referissem à realidade física como “a grande ilusão”, porque ela não é simplesmente o que parece. Vocês poderiam ir ainda mais longe e perceber que este mundo de consciência cristalizada é realmente um sonho criado na mente de Deus, e não apenas este mundo, mas o universo inteiro.

A escala da Criação é desconcertante. Sabendo, como fazemos hoje, que vivemos em um enorme cosmo, cheio de trilhões de sóis e de planetas, como nos referimos a um Criador que, por definição, tem que ser maior em tamanho do que a sua criação? O que aconteceu com a antiga ideia familiar de Deus no céu? Como nos relacionamos com um Deus que é maior do que nós podemos imaginar?

A resposta está no tradicional, mas pouco compreendido conceito dos “três Os”. É um conceito que me ensinaram, quando criança, na Escola Dominical, que Deus é Onipotente, Onipresente e Onisciente. A parte de ser todo-poderoso é desnecessário exprimir em palavras, mas são as partes de estar presente em todos os lugares e de ter todo o conhecimento, que indicam o caminho para a resposta a esse dilema.

A consciência do Ser Infinito, cortesia do seu aspecto Criador, está presente em cada molécula e partícula subatômica que existe. Está presente e consciente em cada parte do seu corpo, mente e alma. Cada molécula do seu corpo é um aspecto do Criador, ao olhar a vida a partir do seu ponto de vista exclusivo.

Não somente é cada molécula que existe parte da consciência do Ser Infinito, nós, como humanos, temos a faculdade adicional da autoconsciência. Fomos criados para agir como indivíduos auto capacitados que, como atores no palco da vida, experimentamos os efeitos de nossas decisões e ações.

A comparação da vida com um teatro repleto de atores é bem adequada. No mundo da realidade fabricada, visto no cinema como “Matrix”, o protagonista Neo despertou para o fato de que suas limitações eram, em grande parte, auto impostas e que a sua mente poderia desenvolver-se para superá-las. Nós também nos encontramos em um mundo repleto de muitos tipos de limitações aparentes, muitos dos quais não são tão sólidos como parecem.

A ciência materialista afirma que vocês são um acidente da evolução biológica. Na verdade, vocês são muito mais do que isso: Vocês são um aspecto do Criador, ao olhar a vida a partir do seu ponto de vista único. Vocês são a consciência onipresente do Ser Infinito.

Vocês não precisam olhar para fora de si mesmos em busca de Deus, porque Deus está no interior de vocês!

À medida que experimentam a vida por meio dos seus olhos, ouvidos e sentidos, vocês são o Ser Infinito, agindo através de ainda outro ponto de vista da infinita variedade da vida. Cada fibra de nosso corpo é o Ser Infinito, cada sonho que vocês manifestam é o Ser Infinito em ação, cada lágrima de alegria que vocês derramam nas experiências mais sutis da vida é uma lágrima derramada pelo Ser Infinito em sua forma, como vocês.

Vocês podem estar mais próximos de Deus do que nunca, quando percebem que toda parte do seu corpo, mente e espírito é Deus. Mesmo neste mundo estranho, onde parecemos estar separados de todos os outros, a percepção consciente da presença de Deus é um simples pensamento distante.

Na próxima semana, veremos como refletimos as capacidades do Criador ao verificarmos nosso inerente poder criativo.

Tradução de Ivete Brito – adavai@me.comwww.adavai.wordpress.com

Site original: http://www.infinitebeing.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s