O Toque da Cura Energizando o Corpo, a Mente e o Espírito através da Arte do Jin Shin Jyutsu – Parte 8.2

Parte 8.2 –  O CENTRAL PRINCIPAL: A FONTE DA VIDA

A raiz sem raízes de tudo, oval, oniabrangente.

No post anterior, comparamos o Fluxo Central Principal com um volumoso rio ancestral. O Central Principal também pode ser comparado com uma antena muito sensível e potente que nos conecta diretamente com a fonte universal de energia. Essa conexão, lembramos, ocorre na sexta profundidade, onde a energia vital universal começa a formar a fonte de nossa energia vital pessoal. Dessa fonte, a energia da vida flui num circuito oval, descendo pela face, garganta, esterno, região abdominal e osso púbico e daí subindo pela coluna e pelo topo da cabeça, começando então um novo ciclo.

Como a sexta profundidade é o harmonizador total, assim o Central Principal é o fluxo de energia harmonizador mais importante do corpo. Ele preserva nossa conexão com o Criador e por isso nos mantém em ritmo e harmonia com a fonte da vida.

Devido à sua conexão direta com a fonte original, o Fluxo Central Principal é a fonte de energia primordial do corpo. Ele nos recarrega e revitaliza os demais fluxos do corpo. Sempre que a energia entra em desequilíbrio num lado ou outro, o Central Principal pode harmonizá- la e reequilibrá-la.

Vimos que, regulando nossa respiração dirigimos o fluxo do Central Principal. Vejamos alguma coisa mais sobre a respiração. Ao expirar, imagine a energia descendo pelo centro da parte da frente do corpo. Ao inspirar, visualize-a subindo pela parte central das costas. Imagine esse ciclo por uns momentos. Imagine a energia movendo-se num círculo constante e ininterrupto enquanto você respira. Sem dúvida, é exatamente assim que a energia circula quando você respira. O que você acabou de visualizar é o trajeto do Fluxo Central Principal.

O trajeto do Central Principal revela dois importantes conceitos do Jin Shin Jyutsu, que são, respectivamente, as funções da energia descendente e da energia ascendente.

A energia descendente desce pela frente do corpo. Ela ajuda a liberar bloqueios que ocorrem acima da linha da cintura. Manter a energia descendente fluindo é, portanto, útil para prevenir dores de cabeça ou dificuldades respiratórias.

Inversamente, a energia ascendente, que sobe pela parte posterior do corpo, é responsável pela eliminação de tensões abaixo da linha da cintura, tornozelos inchados, quadris rígidos e joanetes são exemplos das necessidades de energia ascendente.

PROJETO 1: Harmonização com a Fonte da Vida

Às vezes certas áreas ao longo do Fluxo Central Principal ficam bloqueadas ou presas. Quando isso acontece, você pode remover esses bloqueios facilmente conectando várias áreas-chave ao longo do seu trajeto. A seqüência a seguir mostra como eliminar esses bloqueios e manter esse importantíssimo rio energético fluindo livremente.

Essas seqüências são chamadas de projetos porque projetos são soluções criativas aos problemas da vida. Os problemas são limitados; os projetos são ilimitados e podem ser divertidos. O que apresentamos é um projeto que harmoniza o fluxo mais importante do corpo, o Central Principal, e o reconduz ao ritmo com a harmonia universal.

Lembre-se: ao usar essa seqüência para si mesmo ou para outra pessoa, não se preocupe com a técnica. Apenas toque a área indicada durante alguns minutos ou até sentir uma pulsação rítmica.

  1. Coloque a palma (ou os dedos ou a ponta dos dedos) da mão direita no topo da cabeça, mantendo-a aí durante todo o exercício (até o Passo 7, quando você a deslocará para a base da coluna).Capturar.PNG
  2. Coloque um dedo ou dedos da mão esquerda entre as sobrancelhas. Isso revitalizará a circulação da energia nas camadas profundas do corpo (energia profunda no corpo), melhorará a memória e dissipará o estresse mental e a senilidade.
  3.  Coloque a mão esquerda na ponta do nariz, para revitalizar as funções reprodutoras e a circulação da energia superficial do corpo.
  4.  Coloque a ponta dos dedos da mão esquerda sobre o esterno, revitalizando os pulmões, a respiração, a cintura pélvica e os quadris. (Lembre-se: a mão direita continua no topo da cabeça.).
  5. Coloque a ponta dos dedos da mão esquerda na base do esterno, acima do plexo solar. Isso revitalizará a energia da Fonte da Vida, tanto ascendente quanto descendente.
  6. Coloque a ponta dos dedos da mão esquerda na parte superior do osso púbico. Essa posição tem por objetivo revitalizar a energia da Fonte da Vida descendente e fortalecer a coluna.
  7.  Continue com a mão esquerda sobre a parte superior do osso púbico. Desloque a mão direita do topo da cabeça para a base da coluna, na região do cóccix. (Você pode tocar esse ponto com os dedos, com a palma ou com o dorso da mão direita, o que lhe for mais cômodo.) Essa última posição das mãos revitaliza a energia da Fonte da Vida ascendente e ajuda a circulação das pernas e dos pés.

 

“Por muitos anos, meu marido, médico, sofreu com dores recorrentes nas costas, as quais ele sempre tratara através da quiroprática e de vários métodos de massagem. Por fim, no verão passado. sua região lombar se rebelou totalmente e o resultado foi o deslocamento do disco da quarta vértebra lombar Durante várias semanas ele teve muitas dores e medo: medo de dores lancinantes, medo de precisar submeter-se a uma cirurgia. Eu o tratei esporadicamente durante algumas semanas, quando dispunha de tempo. e ele sentiu algum alívio. Mas continuava preocupado e assustado, com bastante dor e com muita dificuldade de se movimentar livremente. Quase desesperados. fizemos os filhos viajarem num final de semana prolongado e eu me determinei a tratá-lo duas vezes por dia. Para o tratamento, usei o Fluxo Central Principal, porque esse fluxo percorre o centro do corpo, energizando a coluna e o corpo todo. O resultado foi que conseguimos fortalecer e endireitar a coluna e aliviar a pressão sobre o disco. Aquele final de semana foi decisivo para meu marido. Ele pôde ver que havia uma luz no fim do túnel e que já estava a caminho da recuperação.”


Fonte: Alice Burmeister e Tom Monte O Toque da Cura Energizando o Corpo, a Mente e o Espírito através da Arte do Jin Shin Jyutsu® Prefácio Mary Burmeister Tradução Euclides L. Calloni

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s